22 de junho - 2018  

Madeirite plastificado: conheça suas vantagens e desvantagens

O madeirite é um material bastante usado nas construções, porém, ele pode se apresentar em vários tipos e entender as características de cada um deles é muito importante. Em geral, o madeirite resinado é o mais utilizado, porque apresenta um custo reduzido. Outra opção é o madeirite fenólico, indicado para a construção de prédios e indústrias, já que apresenta mais resistência. E por último temos o madeirite plastificado, do qual falaremos mais nesse conteúdo.

Mas o que é o madeirite plastificado?

Madeirite plastificado: conheça suas vantagens e desvantagens

O madeirite plastificado é prensado com cola preta (fenólica). Imagem: Madeireira Samadel.

O madeirite plastificado é uma chapa de madeira constituída por um número ímpar de camadas sobrepostas, prensadas com cola preta (fenólica) e planejadas de modo que as suas fibras se cruzem. Além disso, esse tipo de madeirite conta com uma película, chamada de filme, que permite suportar mais a umidade.

O madeirite plastificado é considerado por algumas pessoas como uma evolução do madeirite tradicional, justamente devido à sua aplicação de polímero, capaz de formar esse filme sobre a superfície de cada peça, tornando-a lisa, impermeável e mais resistente.

Madeirite plastificado: conheça suas vantagens e desvantagens

A superfície do madeirite plastificado é lisa e impermeável. Imagem: Blogger.

Seu surgimento está atrelado à Segunda Guerra Mundial, sendo desenvolvido pela Alemanha para o revestimento dos aviões da sua artilharia aérea. O madeirite plastificado era usado porque apresentava algumas vantagens interessantes, como leveza e impermeabilidade, o que permitia dar mais velocidade às aeronaves alemãs.

Com o fim da guerra e a necessidade de reconstrução das cidades da Alemanha, novamente o madeirite plastificado voltou a ser usado, dessa vez ajudando a erguer prédios pré-fabricados com paredes de concreto.

Hoje, o madeirite plastificado já não é produzido da mesma forma, pois o filme fenólico passou a ser um dos ingredientes principais, já que é mais adequado à cura do concreto.

Esse tipo de madeirite pode ser tanto para uso interior da construção (nesse caso são produzidos com adesivo de uréia-formaldeído), como para uso exterior (com adesivo fenol-formaldeído, criando uma capa protetora à “prova de água”).

Onde posso usar o madeirite plastificado?

Esse item tem diversas aplicações, principalmente para os setores da construção civil. Nesse caso, o madeirite plastificado pode ser usado para fazer formas de concreto aparente que demandem por um acabamento homogêneo ou ainda para àquelas que apresentam uma resistência superficial alta, ou seja, que precisam evitar o surgimento de fissuras no concreto.

Outras aplicações na construção civil são:

  • construção de andaimes e tapumes;
  • formas para a concretagem com ou sem suporte metálico;
  • caixarias de concretagem;
  • entre outros.

Além da construção civil, o madeirite plastificado também possui outras aplicações, como na fabricação de bancos de barcos e lanchas, assoalho de aeronaves e também na construção de vários tipos de ônibus.

Quais as vantagens do madeirite plastificado?

O madeirite plastificado é amplamente utilizado nas construções civis justamente por apresentar algumas vantagens importantes, como:

  • várias formas de utilização, ou seja, você poderá usar a peça de madeirite plastificado mais de uma vez, sendo que alguns produtos permitem até 30 reutilizações;
  • custo-benefício mais interessante do que as formas de alumínio, principalmente quando aplicado em pequenas áreas;
  • facilidade de logística e de transporte;
  • facilidade de manuseio;
  • alta resistência, podendo ficar exposto ao sol ou à chuva, mantendo a sua integridade (algo que não acontece com o madeirite tradicional, por exemplo);
  • maior durabilidade;
  • boa aparência, já que ele dispensa o uso de verniz e outros itens como o madeirite tradicional.

Quais os outros tipos de madeirite e suas características?

Como dissemos, além do madeirite plastificado também existem outros tipos de madeirites que podem ser mais ou menos indicados dependendo das suas necessidades. Veja quais são eles.

Madeirite de chapa resinada com cola branca

Esse é o tipo menos resistente e é formado por camadas sobrepostas de madeira que são prensadas com cola branca. Ele não apresenta boa resistência à umidade e possui um número menor de reutilização.

Este madeirite costuma ser usado em canteiros e barracas de obras, mas sua aplicabilidade é restringida devido a sua baixa resistência à umidade.

Madeirite de chapa resinada com cola fenólica

Neste caso, as chapas são formadas por camadas sobrepostas e prensadas com cola preta, também chamada de cola fenólica. É ela a responsável por tornar esse madeirite um pouco mais resistente à umidade que o resinado com cola branca.

Possui usos um pouco mais amplos que o anterior, como para a criação de formas variadas para construções pesadas e também para a montagem de palcos.

Chapa OSB

É uma chapa formada por três camadas com tiras de madeira prensadas. Ela usa resina de MUF (composta por formol, uréia, melamina e resina fenólica) e as madeiras prensadas são alinhadas em escamas.

Madeirite plastificado: conheça suas vantagens e desvantagens

A chapa OSB é geralmente composta por madeira de reflorestamento. Imagem: R. Bassani.

OSB é uma sigla inglesa . Esse material é indicado para a montagem de forros, canteiro de obras e tapumes. Geralmente, a chapa OSB é feita a partir de madeira de reflorestamento, como o eucalipto.

Depois de ler sobre o madeirite plastificado e os outros tipos de madeirites ficou mais fácil escolher o adequado para a sua obra? Se você gostou desse conteúdo, aproveite para curtir nossas redes sociais no Facebook e Instagram, e receba sempre dicas interessantes como essa!